Esse amor e manto salvador
Nesse canto e manto salvador
Vem de olhar o próximo
Esse afeto e manto salvador
Nesse gesto e manto salvador
Vem de olhar o próximo
Coisa do interior

Avistei o sol subindo o vale
E corri danado em teu carinho
Num peito que abre, tudo cabe
Natureza, ginga do infinito
Petrichor

Esse irmão e manto salvador
Essa irmã e manto salvador
Vem de olhar o próximo
Coisa do interior

Avistei o sol subindo o vale
E corri danado em teu carinho
Num peito que abre, tudo cabe
Natureza, ginga do infinito
Avistei o sol subindo o vale
E corri danado em teu carinho
Num peito tututu, tudo cabe
Natureza, ginga do infinito
Petrichor

Teu carinho
Tudo cabe
Infinito
Lá do alto